27 dezembro 2005

Algarve Ornitológico

Esta semana foi muito preenchida em termos ornitológicos. Fiz saídas de campo a muitos sítios: Ponta da Piedade, Sagres, Leixão da Gaivota, Vilamoura, Quinta do Lago (duas vezes) e Quinta do Marim. Consegui adicionar mais três aves à minha lista (somo agora 158): O Mergulhão de Crista (Podiceps cristatus), o Frango d'água (Rallus aquaticus), e a Negrinha (Aythya fuligula).

Em termos de fotos fiquei contente e triste. Fiquei contente porque consegui muitas fotos boas. Mas fiquei triste porque desta vez notei bem as limitações da minha máquina fotográfica. Muitas vezes a máquina levava demasiado tempo a focar, e o pássaro já tinha fugido. Outras vezes focava no sítio errado, principalmente quando estava mais escuro. Enfim. Se o Pai Natal for bom para mim no próximo ano, dá-me uma destas.

Frisada (Anas strepera):
Casal de Frisadas (Anas strepera)

Pato-trombeteiro (Anas clypeata):
Pato-trombeteiro (Anas clypeata)

Tarambola-cinzenta (Pluvialis squatarola):
Tarambola-cinzenta (Pluvialis squatarola)

Rola-do-mar (Arenaria interpres):
Rola-do-mar (Arenaria interpres)

Poupa (Upupa epops):
Poupa (Upupa epops)Poupa (Upupa epops)

Pilrito-das-praias (Calidris alba):
Pilrito-das-praias (Calidris alba)

Perna-Verde (Tringa nebularia):
Perna-Verde (Tringa nebularia)Perna-Verde (Tringa nebularia)

Pardal (Passer domesticus):
Pardal (Passer domesticus)

Negrinha (Aythya fuligula):
Negrinha (Aythya fuligula)Negrinha (Aythya fuligula)

Mergulhão-pequeno (Tachybaptus ruficollis):
Mergulhão-pequeno (Tachybaptus ruficollis)Mergulhão-pequeno (Tachybaptus ruficollis)

Melro (Turdus merula):
Melro (Turdus merula)

Galeirão (Fulica atra):
Galeirão (Fulica atra)

Gaivota-de-patas-amarelas (Larus cachinnans):
Gaivota-de-patas-amarelas (Larus cachinnans)

Felosinha (Phylloscopus collybita):
Felosinha (Phylloscopus collybita)Felosinha (Phylloscopus collybita)

Colhereiro (Platalea leucorodia):
Colhereiro (Platalea leucorodia)

2 comentários:

Filipe Spinner disse...

As fotos ficaram muito boas. Eu não tenho máquina fotográfica para este efeito, quem sabe no futuro. Quando estiveres a pensar em vir aqui ao norte avisa-me, podemos ir ao gerês e observar aves de montanha.

Nuno Barreto disse...

Gostaria muito, fica combinado :)