23 maio 2005

O que aprender com a YAPC

Este Verão a YAPC EU vai ser em Braga. Não é grande notícia para os programadores de Perl, todos já sabem que vai acontecer. E todos aqueles que estão de alguma maneira ligados ao software livre, sabem o formato que a YAPC costuma ter.

Existem várias coisas que podemos aprender com a YAPC que se devem reflectir nas conferência cristãs. Na YAPC, além dos oradores convidados, qualquer pessoa pode sugerir um tema a apresentar, e se for aceite pelos organizadores, a pessoa passará a ser um dos oradores, e terá a oportunidade de apresentar o tema. Isto é o conceito de dar importância às bases do movimento na sua essência mais pura. Ao "povo".

O que nós precisamos, entre outras coisas, é que as nossas conferências sejam um espaço em que todos têm a oportunidade de se fazer ouvir, em vez de dar oportunidade apenas a uma elite, a um conjunto de nomes sonantes. Não que esses nomes sonantes devam ser calados, antes o que eles dizem deve ser complementado pela vox populi, pela voz popular. A igreja é o conjunto de todos nós, e não somente de um grupo de elite.

Era óptimo ver uma conferência cristã em que seria criado espaço para todos partilharem aquilo que Deus tem estado a falar ao seu coração. Se calhar está na altura de criar algo assim. Se calhar é urgente criar algo assim.

1 comentário:

marco disse...

Compreendo a ideia e existem conferências em que os participantes são encorajados a participar por meio de pequenos grupos onde se inserem para debaterem sobre variados assuntos. Cá em Portugal, conferências com essa componente, simplesmente não existem. Pelo menos, que eu conheça.